Páginas

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

" A MINHA ILHA"


Eis que vez ou outra sinto que tenho que ir para "a minha ilha". E vou!
Previamente a esses recolhimentos, começo perceber em mim uma necessidade quase visceral de me retrair. O externo começa a não fazer sentido. Não mais!
É chegada a hora, portanto, eu sei, de me  retirar de cena. Vai ter início o processo de desnudamento. O confronto e o combate. Se preciso for,  ficar em carne viva! E, assim, para que o ato de submergir seja profundo e proveitoso, tenho que estar só. Literalmente só! 
E, desta forma, desacompanhada e imbuída da vontade de tomar consciência, começo a desvendar a minha sombra. Ou enxergar a minha claridade, que nem sempre é o mais fácil para mim. 
Não raro, estando em busca de uma; encontro a outra, o que sempre me causa surpresa.
Espanto mesmo é quando me deparo com o que resplandece, é luz em mim.
Nessas ocasiões, sou obrigada a me despir das minhas pequenez e ter coragem e - por que não?-  a humildade de reconhecer que na maioria das vezes, vazia e descrente antes desses encontros, esta luminosidade toda encontrava-se somente em estado de repouso.
Cabe-me a bênção, nessas circunstâncias, de poder me abastecer na fonte. De me nutrir e me vislumbrar plena de potencialidades e de força!
Em outra conjuntura, quando percebo que tenho que enfrentar temas existenciais ou a escuridão propriamente dita, também aproveito, nesse embalo, para observar aquilo que não foi expresso ou que não teve espaço no meu cotidiano mas que me afetou de alguma maneira.
E vou me permitindo adentrar, escancarar portas e domínios do sentir e do pensar. E para esse exercício não há regras e nem roteiro. Nada que possa limitar ou distrair. Deixo aflorar.  O que quiser vir à tona que venha! Sem ordem predeterminada, vão chegando os sentimentos, percepções, pensamentos, intuições, recordações, emoções etc.
Para ser sincera, mais do que permissão, recebo a todos eles com respeito e com gratidão.
Procuro fazer a ponte e a conexão. Entrar em sintonia. Entender além do óbvio. Encontrar significados. Aliás, estas são fundamentalmente a razão e a finalidade das minhas introspecções.
Essas ousadas pausas costumam ser profícuas e também dolorosas na maioria das vezes, pois mergulho de peito aberto e sem medo de enfrentar as questões que me incomodam, assolam ou para as quais eu queira dar um novo rumo.
Esses movimentos de despojamento após serem desencadeados podem durar segundos, minutos, horas, dias ou quanto eu precisar. Não têm data para principiar e nem para o término.
É uma oportunidade valiosa, pois posso me escutar e me enxergar sem pré julgamentos, críticas ou cobranças.
Por tudo até aqui exposto, justifica-se assim o meu sumiço.
É um intervalo para efetivar descobertas ou referendar dinâmicas já em andamento. Chegar mais perto da minha essência, também.
Sei de antemão, por  vivência e experimentar, que a dor, além de me pôr desperta, tem o benéfico poder de me fazer retificar o caminho e as escolhas porventura equivocadas.
Ficar na superfície? As coisas serem sentidas pelas bordas? Quem disse que eu consigo? Dou conta? Não!!! Não mesmo!!! Tenho que ir fundo, me rasgar internamente, sangrar se disto depender o meu entendimento.
Em compensação, tenho a capacidade inata para renascer das cinzas, de me reestruturar e voltar íntegra e mais plena!!!
Estou bem e tenho me proposto ficar melhor ainda.
E nesta dinâmica de ir e vir "da minha ilha", a vida segue com pasmo e cheia de encantos...
Escrito por Anitha em 20.09.10

domingo, 12 de setembro de 2010

Insight I Agosto 2010


Participei do dia 18 a 22 de agosto de 2010 do Seminário Insight I, que foi ministrado no Hotel San Diego em BH/MG.
Só posso, aqui, atestar que foi uma experiência maravilhosa e uma vivência ímpar e muito rica!!!
Recomendo o curso a todos, pois vale muito a pena!!! Afinal, ele nos possibilita a abertura de portas internas, conecta-nos com o nosso melhor e nos oferece importantes ferramentas para que possamos efetivar mudanças almejadas ou que estejam em curso ou latentes. Atua como instrumento e catalizador de profundas transformações!!!
Caso você também queira fazer parte dessa grande família de insightados, verá, como eu, o quanto ela é acolhedora e séria!!!
Visite o site, para maiores informações: www.insightbh.com.br